Oferta de férias sem sorteio!

Segurança vista à lupa
PEÇA UM DIAGNÓSTICO DE SEGURANÇA . GRÁTIS

Avalie a segurança da sua empresa






FACTOS E DICAS outros factos e dicas
 

ESTADO DA SEGURANÇA EM PORTUGAL em 2011

Dados recolhidos do "Relatório Anual de Segurança Interna 2011"

 

No geral a criminalidade participada às autoridades diminuiram em 2011 em comparação com o ano anterior... mas os roubos por esticão, roubos a ourivesarias e residências registaram aumentos significativos, o que, para o Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo, pode ser culpa da crise.

" Os crimes contra o património continuam a ser a categoria que observa maior número de registos, com um total de 228.261 ocorrências, representando um peso relativo de 56,3% na criminalidade participada a nível nacional."

É importante perceber que este número  representa apenas os furtos participados às forças de segurança,ou seja os furtos em que os proprietários fizeram queixa à polícia, e não o número real de furtos, esse será maior.

"Os crimes contra o património absorveram mais de 50% do total de participações (56%), sendo que esta categoria apresentou um acréscimo de 2% em relação ao ano de 2010."

 "Acréscimos registados nos crimes de roubo por esticão, com mais 1.386 casos (+21,2%), no furto em residência, com mais 1.658 casos (+6,2%), no crime de condução com taxa de álcool igual ou superior a 1,2 g/l, com mais 1.209 casos (+5,5%) e no furto por carteirista, com mais 593 casos (+5,5%)."

Seguem alguns dados estatísticos sobre CRIMINALIDADE VIOLENTA GRAVE em habitação e estabelecimentos comerciais com maior risco (gasolineiras, farmácias e ourivesarias). Através dos gráficos é possível analisar a incidência a nível do país, número de indivíduos, meio de coação e horário predominante da ocorrência dos roubos.

Números da criminalidade em Portugal

ROUBOS EM OURIVESARIAS

Em 2011 foram participados 137 roubos (com recurso a violência) a ourivesarias, representando um aumento de 14,2% em relação ao ano passado!

60% dos crimes foram praticados por grupos (de 3 ou mais indivíduos), durante o período de abertura dos estabelecimentos e foram utilizadas armas de fogo em quase todas as ocorrências.

Em comparação com as estatísticas em outros estabelecimentos, onde a arma de fogo foi também utilizada, as ourivesarias são alvo dos roubos mais violentos, tendo-se registado ferimentos graves em 11 pessoas e 1 vítima mortal.

Em 60% das ocorrências o valor roubado é superior a 2000€, contudo apenas foi possível obter informações de 11% dos casos.

Consulte mais informações no RASI - pag. 75 Documento PDF

Estatísticas de roubos a urivesarias em 2011

Roubos a urivesarias em Portugal aumentam 14,2% em 2011

Segurança e proteção em segundos

PARE OS ROUBOS e FURTOS EM SEGUNDOS COM O CANHÃO DE NÉVOA DA PROTECT

CLique aquiSaiba tudo sobre sistemas de Névoa de Segurança.

CLique aquiVeja vídeos e leia os testemunhos "Névoa de Segurança em OURIVESARIAS" no site oficial da PROTECT.

 

Índice de dicas > Estado da segurança em Portugal 1 2 3 4

Empresa Certificada pela BOSCH Security Systems.

SlideShare - ArtsensorYouTube - ArtsensorFacebook - ArtsensorMaisPrevenção - Blog Artsensor Consulte registos
e creditações da empresa

Página Principal | Empresa | Soluções | Marcas | Serviços | Parceiros | Contactos Informação

Comentários ou sugestões? Por favor informe-nos clicando aqui  .  © 2012 Artsensor